A seda é uma fibra natural e é um dos materiais mais antigos usados pela indústria da moda. É obtida a partir dos casulos do bicho-da-seda através do processo de sericicultura. 

A fibra que é um filamento da proteína produzida pelas lagartas de certos tipos de mariposas é uma das matérias-primas mais nobres do mercado. O seu processo artesenal fomenta a mão de obra de diversas famílias que trabalham no manejo de casulos. O tecido ainda possui transparência, brilho e fluidez dando um toque de elegância e sofisticação nas peças.

Como é um tecido que pode ser usado tanto em dias quentes quanto em dias frios, os chineses investiram em sua produção e se tornaram grandes exportadores do nobre tecido.

Sua produção é limitada, diferente dos tecidos a base de plantas, o que agrega ainda mais valor a ele. Desde sua descoberta, é um tecido associado a sofisticação, ainda mais por ter uma produção limitada e trabalhosa. 

Os fios são extremamente finos, por isso possuem uma leveza ímpar. Possuem um brilho único, é muito macio e suas cores são incríveis. Além disso, podemos dizer que uma vantagem da seda é absorver até 30% de seu peso de água, dando conforto e proteção contra a umidade e a transpiração.